Página atual:Português > Tema >

China lança com sucesso o primeiro cargueiro espacial “Tianzhou 1”

2017-04-21 20:07:50

A primeira nave espacial de carga da China, "Tianzhou 1" ("Barco celeste"), decolou nesta quinta-feira (20/4) rumo à órbita terrestre para acoplar-se ao laboratório espacial "Tiangong 2" ("Palácio celeste") e realizar uma série de testes e experimentos.

“Cinco, quatro, três, dois, um, ignição! Decolar!”

O foguete Longa Marcha-7 Y2, que leva a nave, foi lançado sem problemas, às 19h41 locais, do Centro Espacial de Wenchang, na ilha de Hainan, dando início a uma missão de cinco meses.

Cerca de 20 minutos depois, o comandante geral da tarefa, Zhang Xueyu, declarou que o lançamento do cargueiro espacial “Tianzhou 1” conseguiu o pleno sucesso.

“Conforme o relatório do Centro de Controle de Aviação Espacial de Beijing, o foguete Longa Marcha-7 está funcionando bem, a nave espacial de carga ‘Tianzhou 1' já entrou na órbita programada e os paneis solares abrem normalmente. O lançamento da Tianzhou 1 foi bem sucedido!”

Muitas pessoas consideram a “Tianzhou 1” como um motoboy do espaço, já que sua tarefa prioritária é transportar suprimentos para a futura estação espacial. Ela tem nove metros de comprimento com uma capacidade de carga de 6,5 toneladas e um peso total de 13 toneladas, cujo desenvolvimento representou "um esforço de seis anos" entre projeto e construção.

Durante sua missão, a nave testará três tipos diferentes de acoplamentos ao laboratório espacial chinês, para o qual também levará combustível, além de equipamentos científicos e técnicos, revelou seu sub-designer-geral, Xu Xiaoping.

“Essa nave espacial é o maior veículo aeroespacial do nosso país, carrega várias aplicações e sistema de testes para atividades extraveiculares dos astronautas, para preparar a futura estação espacial.”

Como a nave não têm tripulantes, todas as tarefas serão feitas de forma automatizada e por controle remoto a partir da Terra. Após sua missão de cinco meses em órbita, a 385 quilômetros de distância da superfície da Terra, o cargueiro espacial iniciará uma descida controlada para se desintegrar nas camadas superiores da atmosfera terrestre.

O desenvolvimento de um cargueiro espacial é imprescindível para o objetivo chinês de ter em órbita uma estação espacial própria, que deve estar concluída até 2022.



Páginas sugeridas



Top 10 MúsicasColetâneaMaisMais

  • TOP 10 Músicas da China 20170714
  • “This is Hyony” de Lee Jung-hyun

Vídeo

Either scripts and active content are not permitted to run or Adobe Flash Player version 11.4.0 or greater is not installed.

Get Adobe Flash Player
Dia Mundial da Leitura

China.com mais perto de você