Página atual:Português > Tema >

Fórum de Direitos Humanos Sul-Sul é inaugurado em Beijing

2017-12-07 17:05:19

Foi inaugurado hoje (7) em Beijing o Fórum de Direitos Humanos Sul-Sul, organizado pelo Gabinete de Imprensa do Conselho de Estado e pelo Ministério das Relações Exteriores da China. Mais de 300 funcionários governamentais e de organizações internacionais e especialistas acadêmicos participaram do evento.

O presidente chinês, Xi Jinping, enviou uma carta de congratulação à realização do fórum, na qual reiterou a importância dos esforços conjuntos dos países em desenvolvimento na promoção do empreendimento global dos direitos humanos. Ele pediu que a comunidade internacional respeite e reflita sobre a vontade das pessoas nos países em desenvolvimento com uma atitude justa, equitativa, aberta e inclusiva.

O relator especial sobre Direito do Desenvolvimento da ONU, Saad Alfaragi, disse que os países do Sul possuem um grande espaço de cooperação na área de desenvolvimento.

“No setor de desenvolvimento, os países do Sul mantêm diversas oportunidades de cooperação. Para os países em desenvolvimento, a cooperação Sul-Sul oferece novos termos, que são diferentes das tradicionais assistências oferecidas sob precondições.”

O acessor jurídico do Gabinete do Secretário de Estado para os Direitos Humanos do Ministério da Justiça e dos Direitos Humanos da República de Angola, Yannick Bernardo, deu alta avaliação ao fórum.

“A carta de congratulação de Xi Jinping mostra a preocupação do mais alto nível da China quanto à questão dos direitos humanos. Através da cooperação, compartilhamento de informação e experiência, pode-se alcançar os objetivos comuns. A China está bastante preocupada com os direitos sociais e políticos dos cidadãos, e a abertura do país tem sido feita de forma gradual e consistente.”

Em relação às perspectivas da cooperação Sul-Sul, Bernardo disse que a China tem uma presença massiva na cooperação com os países africanos.

“A China concedeu a Angola mais de US$ 50 bilhões em financiamentos que cobrem várias áreas. Existe também uma troca de experiência muito acentuada em agricultura, transporte, serviços e construção civil. O desenvolvimento da China pode ser replicado nos países africanos. Podemos promover uma maior cooperação em áreas como construção civil e engenharia. A China absorve as experiências dos países africanos a nível da cooperação Sul-Sul.”




Páginas sugeridas



Top 10 MúsicasColetâneaMaisMais

  • TOP 10 Músicas da China 20170825
  • “This is Hyony” de Lee Jung-hyun

Vídeo

Either scripts and active content are not permitted to run or Adobe Flash Player version 11.4.0 or greater is not installed.

Get Adobe Flash Player
Sabores do Brasil - Muqueca de Peixe e Camarão

China.com mais perto de você