Página atual:Português > Mundo >

Sudão do Sul recusa envio de "força regional de proteção" da ONU

2017-01-12 14:58:45

O porta-voz do Executivo do Sudão do Sul, Michael Makuei Lueth, afirmou ontem (11) que o governo sul-sudanês recusará a disposição de uma "força regional de proteção", já que a situação de segurança tinha melhorado na capital do país Joba e nas suas proximidades.

A mídia local informou que o ministro sul-sudanês de Defesa, Kuol Manyang Juuk, refutou a afirmação da necessidade da disposição de uma "força regional de proteção" em Joba, pelos riscos eventuais de guerra.

O Conselho de Segurança da ONU aprovou uma resolução em 12 de agosto de 2016 sobre o envio de uma "força regional de proteção" de 4000 pessoas, fazendo o número dos soldados da Missão da ONU no Sudão do Sul acrescentar para 17 mil. Embora o governo sul-sudanês tenha afirmado em setembro e em novembro últimos aceitar as resoluções da ONU, o processo da disposição da força não avançou durante todo esse tempo.

O Conselho de Segurança decidiu em 16 de dezembro do ano passado prolongar até 15 de dezembro do ano corrente a missão da ONU, salientando outra vez a disposição da força.

Páginas sugeridas



Top 10 MúsicasColetâneaMaisMais

  • TOP 10 Músicas da China 20170120
  • "Águia" da banda IZ e "Conquista" de Na Ying

Vídeo

Either scripts and active content are not permitted to run or Adobe Flash Player version 11.4.0 or greater is not installed.

Get Adobe Flash Player
Mulher motorista de ônibus

China.com mais perto de você